Av. Antônio Marquês Figueira, 1661 - Vila Figueira

Radiador
Conheça o responsável por manter a temperatura ideal do seu carro 
 O sistema de arrefecimento é um conjunto de mecanismos eletromecânicos que tem a função de controlar a temperatura dos motores de combustão interna. Eles reduzem a temperatura e substituem o calor, para garantir a eficiência energética e diminuir o desgaste das peças móveis do motor. 
Quando os componentes do arrefecimento trabalham na temperatura ideal, o motor tem garantia de melhor durabilidade, menor desgaste e atrito, economiza mais combustível, emite menos gases poluentes, aumenta seu desempenho e exige menos manutenção. Esse sistema é composto por peças móveis que são anexadas ao motor e outras peças que compõem a estrutura do motor. 

Bomba d’água A bomba d’água é responsável pela circulação do líquido de arrefecimento do sistema para manter a temperatura sempre estável e garantir a vida útil do motor por mais tempo. Essa peça pode arrebentar por desgaste ou pressão e causar o aumento da temperatura do motor. Por isso, o ideal é fazer a checagem quando o carro atingir 70 mil quilômetros rodados. Radiador O radiador tem a função de trocar o calor do sistema. Quando o líquido aquecido pelo motor passa pelo radiador sofre o resfriamento e esse líquido, com a temperatura mais baixa, volta para o motor. Como acumula sujeira, o radiador deve ser sempre verificado. Existe ainda a possibilidade do dispositivo enferrujar, correndo o risco de obstruir os tubos, fazendo com que menos água seja refrigerada.
Fluido do Radiador Sua função é transformar a água em um líquido adequado ao bom funcionamento e proteção do sistema de arrefecimento. Esse componente faz a troca de calor. Quando passa pelo motor, ele recebe o calor e perde ao passar pelo radiador. A troca do fluido do radiador é fundamental para manter a temperatura certa do motor em todas as condições de uso e evitar a corrosão do sistema, o ressecamento prematuro de mangueiras e vedações, excesso de impurezas, que podem entupir o sistema e outros sérios danos ao conjunto. Termostato O termostato controla a temperatura e a velocidade do aquecimento, quando o motor ainda está frio. Nesse caso, a água circula apenas no bloco e no cabeçote, sem chegar ao radiador e, com isso, aquece mais rápido. Depois que atingir a temperatura operacional, o termostato abre. Por permitir que o motor aqueça mais rápido, o termostato reduz seu desgaste, os depósitos e emissões.
Ventoinha A ventoinha também trabalha para manter a temperatura do motor estável. Quem controla a operação das ventoinhas é o interruptor termostático ou a central eletrônica do motor. Quando a temperatura do líquido de arrefecimento ultrapassa o limite, as ventoinhas são acionadas. Assim que a temperatura cai abaixo do limite elas são desativadas. Mangueiras As mangueiras fazem o transporte da água até o radiador. Essa peça pode sofrer desgaste e precisa ser verificada periodicamente. Uma mangueira danificada pode causar vazamentos e o superaquecimento do motor. Válvula Termostática É responsável por permitir que o motor atinja a temperatura ideal rapidamente. A válvula termostática regula a quantidade de água que atravessa o radiador que, quando está baixa, é bloqueada, forçando o líquido circular somente no motor. Após atingir a temperatura ideal a válvula abre e permite que o líquido seja enviado ao radiador. Sempre que estiver gasta deve ser substituída. Para garantir que todo sistema funcione adequadamente, fique atento ao estado e prazos de troca das peças, sempre que for necessário fazer substituições, procure um profissional especializado e respeite as orientações do fabricante.